Dehonianos
Notícias da Igreja
 
11.Jun - A festa do Sagrado Coração de Jesus
Aumentar Fonte +
Diminuir Fonte -
A festa do Sagrado Coração de Jesus

Para nós do SCJ, a celebração da festa do Sagrado Coração é o ato pelo qual reconhecemos o que o Coração de Jesus tem feito e continua a fazer todos os dias em cada um de nós como indivíduo religioso, toda a Congregação, mas também em Igreja inteira. O amor de Deus é um dom perpétuo, é a graça fundamental de estarmos aqui como filhos e filhas de Deus.


Eu gostaria de aproveitar esta oportunidade para se juntar com o Papa Francisco, depois de sua última exortação apostólica intitulada: "Gaudete et Exsultate", e com o subtítulo "o chamado à santidade no mundo contemporâneo", para conduzir-nos a todos uma provocação neste festival do Coração de Jesus, para lembrar que somos sempre chamados à santidade, mas também para reconhecer que o tesouro mencionado pelo nosso querido fundador, Pe. Dehon é, sem dúvida, nossa fonte inesgotável de santidade.


O Coração de Jesus é acima de tudo nossa fonte contínua de santificação e saúde espiritual. O Coração de Jesus é a fonte de toda a santidade da Igreja. E nós especialmente somos chamados a entrar nesta graça todos os dias, em nossa oblação, na celebração da Eucaristia, adoração, e até mesmo na missão e em todas as atividades que favorecem a nossa santificação. Podemos dizer que, mesmo nas atividades de estudo, devemos encontrar a santidade.


Ele diz que a exortação, em um número que parece muito  com o SCJ "Santificação é principalmente um caminho comunidade, para fazer dois de cada vez. A comunidade é chamada a criar o espaço iluminado em que para experimentar a presença mística do Senhor ressuscitado: compartilhando a Palavra e celebrando juntos a Eucaristia nos torna mais irmãos e nos transforma gradualmente em uma comunidade santa e missionária ".


Creio que este ano, um pouco eufórica para nós, 140 da fundação da Congregação, e 175 do nascimento de pe. Dehon, seja uma boa oportunidade para nos mostrar como somos, homens imperfeitos diante daquele que é perfeito. Um ano para o exercício da humildade que não é diferente da capacidade de entrar em nós, para falar cara a cara com nossas misérias, com a nossa terra, com o que somos. Essa habilidade nos permite descobrir que somos um húmus: terra frágil, terra viável, que somos humanos. Ele está fazendo uma viagem interior guiados pelo Espírito de Deus, para nos ajudar a entender que outras pessoas, meus irmãos, têm fraquezas, razão pela qual a humildade nos faz tolerante, compassivo, misericordioso para com tudo o que é humano, porque o outro é parecido comigo.


E em meio a essa experiência humana, descubra que lá, nas profundezas de mim mesmo, posso experimentar: A plenitude de Deus (Ef 3:19), seu imenso amor, a força de sua santidade.


Pe. Carlos Enrique Caamaño Martín SCJ


Superior Geral SCJ


 


FONTE: http://www.dehon.it/it/index.php?option=com_k2&view=item&id=2352:la-festa-del-sacro-cuore&Itemid=77

Indique a um amigo
 

Copyright © 2019 Dehonianos. Todos os direitos reservados.