Dehonianos
Notícias da Igreja
 
Comunidades católicas chinesas celebram a Quaresma com intensidade
Aumentar Fonte +
Diminuir Fonte -
Comunidades católicas chinesas celebram a Quaresma com intensidade

Celebrações eucarísticas solenes com grande participação do Povo de Deus, "escrutínio" dos catecúmenos que se preparam para o batismo, mandato missionário dos leitores e dos ministros extraordinários da Comunhão Eucarística, que agora poderão levar a Eucaristia aos doentes e deficientes. Nas comunidades católicas chinesas, o primeiro domingo da Quaresma foi marcado por compromissos pastorais e ocasiões que, segundo a tradição, acompanham o início da Quaresma, um "tempo favorável" para pedir o perdão dos pecados, fazer obras de caridade e preparar-se para a alegria da Páscoa.


Na Arquidiocese de Pequim, muitas paróquias adaptaram suas celebrações litúrgicas às necessidades de muitos operários. Na catedral no domingo, 26 de fevereiro, o arcebispo Joseph Li Shan presidiu o rito de escrutínio dos catecúmenos e também conferiu o mandato missionário a 11 ministros extraordinários. Durante o período quaresmal, estes 11 batizados leigos bem formados, como requerido pela Igreja, serão enviados aos lares dos idosos e doentes para levar a Comunhão.


Missa noturna para permitir maior participação dos fiéis


Em muitas paróquias de Pequim, já havia sido acrescentada uma missa noturna na Quarta-feira de Cinzas para permitir a participação no rito penitencial de muitos homens e mulheres trabalhadores que não puderam participar das missas da manhã. Pelo mesmo motivo pastoral, o rito da imposição das Cinzas também foi celebrado durante muitas missas no domingo, 26 de fevereiro.


Na paróquia dedicada à Medalha Milagrosa, também foi celebrado o sacramento da Unção dos Enfermos, além dos ritos do "escrutínio" dos catecúmenos e do mandato missionário dos leitores das celebrações litúrgicas.


Sensibilizar os batizados para a salvaguarda da Criação


Após um período de catecismo, com o chamado "escrutínio", os catecúmenos confirmam sua intenção de seguir a Cristo e também testemunham que sua escolha não é superficial ou emocional, mas cada vez mais radicada em um autêntico caminho de fé.


A comunidade católica de Shenzhen, além de celebrar os ritos quaresmais dos catecúmenos, dos ministros da Eucaristia, dos enfermos e dos leitores, também viveu o primeiro domingo da Quaresma como uma oportunidade para sensibilizar todos os batizados para a questão ecológica e para a salvaguarda da Criação.


Na esteira da "Laudato si" de Francisco


A jovem comunidade católica local consiste quase exclusivamente de trabalhadores migrantes internos. O primeiro domingo da Quaresma começou com uma jornada ecológica após a missa.


Os batizados, liderados pelos párocos, também promoveram uma extraordinária coleta de lixo, com o lema "Shenzhen será mais bonita também por causa da minha contribuição; o povo de Shenzhen será mais feliz também por causa da minha contribuição".


Desta forma, seguindo os ensinamentos da Igreja também reiterados pelo Papa Francisco na Encíclica "Laudato si", os católicos de Shenzhen também quiseram mostrar como a preocupação dos cristãos com a salvaguarda da Criação pode dar uma valiosa contribuição à convivência urbana e ao bem comum de todos os cidadãos.


(com Fides)


Fonte: Vatican News

Indique a um amigo
 

Copyright © 2024 Dehonianos. Todos os direitos reservados.