Dehonianos
Notícias da Província
 
12.Ago - Padre Leão Dehon homem e sacerdote extraordinário
Aumentar Fonte +
Diminuir Fonte -
Padre Leão Dehon homem e sacerdote extraordinário


P. Dehon, o Fundador e primeiro Superior Geral (28 de junho de 1878 – 12 de agosto de 1925) da Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus, nasceu em 14 de março de 1843 em La Capelle (França). Foi ordenado em Roma em 19 de dezembro de 1868. Escreveu as Constituições da Congregação em 31 de julho de 1877 e fez sua primeira profissão em 28 de junho de 1878, data da fundação do Instituto. Morreu em Bruxelas em 12 de agosto de 1925. Ele foi enterrado na Igreja de São Martinho, fundada por ele, em São Quintino (França).


O fundador dos dehonianos foi um homem e um sacerdote extraordinário. Ele não se contentou com o ministério comum. Lançou-se decididamente num apostolado inovador: apostolado social. Era um zelo de amor: resposta ao amor que não era amado. Zelo pela santidade, pelo Reino do Coração de Jesus, nas almas e nas sociedades. No seu apostolado, P. Dehon era sensível e generoso. Uma solidariedade vivenciada com os mais pobres; autêntica testemunha; sabia comunicar seu zelo, seu ardor e assim despertar em torno dele a colaboração de leigos, das religiosas e de padres. O P. Dehon tinha um grande amor pela Igreja: era orgulhoso de pertencer ao povo de Deus. Tinha uma entusiasta admiração pela longa caminhada da Igreja através dos séculos Viveu intensamente a força e a fragilidade da Igreja. Amor profundo e incondicional à Igreja e ao Papa. Esse Amor profundo e incondicional, P. Dehon legou aos seus filhos espirituais. Tal amor persiste na Congregação, nos seus membros e nas nossas obras. 


Ao celebrarmos os 96 Anos do ingresso de P. Dehon na eternidade, elevamos a Deus um Hino de Louvor e Gratidão pelo homem e sacerdote extraordinário que ao morrer, apontando para o Coração de Jesus, afirmou: "Por Ele eu vivi, por Ele eu morro". Nós, dehonianos, como o nosso fundador, vivemos e morreremos para difundir o Amor do Coração de Jesus. 



Fotógrafo: Mel Melissa

Fonte: P. André Borges da Silva, scj e P. Francisco Sehnem, scj

Indique a um amigo
 

Copyright © 2022 Dehonianos. Todos os direitos reservados.